Rastreabilidade e Requisitos Mínimos de Produtos Hortícolas – Público Geral

Turma Período de inscrição Período de realização Inscreva-se
01 24 a 31 de agosto de 2021 06 de setembro a 21 de outubro de 2021
02 01 a 09 de setembro de 2021 15 de setembro a 01 de novembro de 2021
03 10 a 17 de setembro de 2021 23 de setembro a 08 de novembro de 2021
04 18 a 27 de setembro de 2021 01 de outubro a 17 novembro de 2021
05 28 de setembro a 05 de outubro de 2021 11 de outubro a 26 de novembro de 2021
06 06 a 14 de outubro de 2021 20 de outubro a 06 de dezembro de 2021
07 15 a 22 de outubro de 2021 28 de outubro a 14 de dezembro de 2021
08 23 de outubro a 01 de novembro de 2021 08 de novembro a 23 de dezembro de 2021
09 03 a 10 de novembro de 2021 17 de novembro de 2021 a 07 de janeiro de 2022
10 11 a 18 de novembro de 2021 24 de novembro de 2021 a 14 de janeiro de 2022

Quantidade de vagas: Ilimitadas

Alcance: Nacional

Carga Horária: 20h

Modalidade: Ensino a distância 

Público-alvo: Produtores de produtos hortícolas, responsáveis técnicos, consultores, atacadistas, consolidadores, varejistas e demais interessados em aprender sobre rastreabilidade e requisitos mínimos de produtos hortícolas, bem como servidores e empregados públicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), INCRA, CONAB, EMBRAPA, Centrais de Abastecimento e órgãos de extensão rural.

Objetivo geral: O curso aborda a importância, os objetivos, os conceitos, os fundamentos e a legislação da rastreabilidade e dos requisitos mínimos dos produtos hortícolas, além de apresentar o protocolo contendo as regras da rastreabilidade dos produtos hortícolas, o Referencial Fotográfico e as Brochuras da OCDE para os produtos hortícolas.

Conteúdo Programático:

Objetivos das normas da rastreabilidade e dos requisitos mínimos;

Oportunidades e vantagens da adoção das normas da rastreabilidade e dos requisitos mínimos;

Protocolo contendo as regras da rastreabilidade dos produtos hortícolas;

Referencial Fotográfico dos produtos hortícolas;

Brochuras da OCDE para os produtos hortícolas.